Home / Empreendedorismo / Falling Walls Lab tem novidades o público poderá votar

Falling Walls Lab tem novidades o público poderá votar

Brasil elege inovadores para final do Falling Walls Lab em Berlim

Abertos ao público, os eventos classificatórios do concurso alemão Falling Walls Lab acontecem em Fortaleza (20 de setembro) e em Belo Horizonte (23 de setembro).

Falling Walls Lab

Cada participante terá três minutos para convencer o júri da relevância e do poder de transformação de sua ideia.

Os ganhadores de cada etapa representarão o Brasil na final mundial na Alemanha.

Nesta edição haverá cinco novidades no concurso no país, entre elas a estreia brasileira do Prêmio do Público.

Leia também:

Gêmeo digital ELVIS revoluciona rede elétrica Finlandesa

Turbinas eólicas e a gás da Siemens ganham mais eficiência

Os eventos, que são gratuitos, possibilitam networking pleno e este ano tem votação do público brasileiro

Cinco novidades marcam o Falling Walls Lab (FWL) no Brasil neste ano.

Pela primeira vez, São Paulo não sedia uma etapa brasileira do concurso alemão de ideias transformadoras.

Também inédita é a realização de dois eventos classificatórios no país.

Um em Fortaleza, no dia 20 de setembro, e outro em Belo Horizonte, no dia 23 de setembro.

Onde um júri elegerá um candidato em cada evento para a final mundial em Berlim.

Mas o público desta vez também poderá votar e premiar o seu favorito!

E os dois vencedores ainda desfrutarão de um prêmio adicional, oferecido pela EURAXESS Brazil.

 

A quinta novidade será revelada na premiação

“Já a quinta novidade ainda está para ser confirmada e só deverá ser revelada nos momentos da premiação”.

É o que diz Marcio Weichert, coordenador do Centro Alemão de Ciência e Inovação (DWIH São Paulo);

Organizador do FWL de Belo Horizonte e parceiro do DAAD (Serviço Alemão de Intercâmbio Acadêmico) no FWL de Fortaleza.
Foram 103 projetos inscritos de todo o Brasil para competirem nos FWL de Belo Horizonte e Fortaleza, com destaque para os estados de Minas Gerais, São Paulo, Ceará e Rio de Janeiro.

 

Os projetos focaram em:

 

Educação, sustentabilidade, diversidade, energia, medicina, saúde, nutrição, indústria, esportes, mobilidade, cultura, sociedade, tecnologia, economia, comunicação, entre diversas áreas do conhecimento.
Os autores das ideias com potencial mais transformador, que vencerem cada uma das duas classificatórias, ganharão uma viagem para concorrer na etapa mundial do concurso e participar da Falling Walls Conference, que acontecem em Berlim, na Alemanha, nos dias 8 e 9 de novembro, respectivamente.

 

Quem promove

 

O concurso e a conferência são uma iniciativa da Falling Walls Foundation.

O programa de viagem será complementado com outras atividades, como visitas a instituições de pesquisa.
“Nosso principal objetivo ao promover o Falling Walls Lab no Brasil é criar mais oportunidades para jovens inovadores do país.

Além de oferecer visibilidade e apontar novos caminhos profissionais, o concurso proporciona aos participantes algo de enorme importância nos dias de hoje:

Uma mega rede de networking internacional.

 

Derrubando paradigmas

Esta é a sexta edição do FWL que tem etapas brasileiras organizadas pelo DWIH São Paulo.

Temos a convicção de que essa é uma forma efetiva de colaborarmos para derrubar paradigmas e estimular avanços na sociedade brasileira por meio da pesquisa, ciência e tecnologia”.

Afirma Martina Schulze, diretora do DWIH São Paulo.

Como será a apresentação e a escolha dos vencedores?

Dentre os inscritos, 15 projetos foram selecionados para cada etapa nacional (Fortaleza e Belo Horizonte).

Cada candidato terá três minutos para fazer sua apresentação (Pitch), em inglês, mostrando para a plateia e o júri a relevância e o poder de transformação de sua proposta.

Composto por especialistas da academia, da imprensa e do ecossistema de inovação, o júri fará a avaliação com base em dois critérios:

O quanto a ideia é inovadora e relevante, e o quanto a apresentação foi convincente.

 

Público avaliando

Durante os eventos classificatórios, na categoria “Prêmio do Público”, novidade da edição 2019, o próprio público poderá votar no autor da ideia com potencial mais inovador.

E em Belo Horizonte, por meio de um aplicativo, tanto a plateia no local quanto as pessoas que estiverem acompanhando on-line poderão participar da votação.

Benefícios da competição: destino Alemanha

O vencedor de cada etapa (Fortaleza e Belo Horizonte) ganhará do DWIH passagem aérea e estadia para viajar à Alemanha para defender sua ideia entre 100 concorrentes na etapa mundial, em Berlim, no dia 8 de novembro.

Os três primeiros colocados da final berlinense terão a oportunidade de apresentar sua proposta no dia seguinte na Falling Walls Conference.

Os dois ainda terão a oportunidade de visitar uma instituição de pesquisa ou inovação de sua livre escolha em qualquer país da União Europeia, graças ao prêmio adicional da EURAXESS Brazil.

A previsão é de que a viagem dos vencedores dure ao todo de uma a duas semanas.

A se confirmar a quinta novidade, a ser anunciada ao fim dos eventos no Brasil, a estada poderá se estender até um pouco mais.
Independentemente do resultado na etapa final do FWL Falling Walls Lab em Berlim, os dois representantes do Brasil, bem como todos os 98 dos demais países, terão a oportunidade de assistir à conferência.

Cientistas de renome internacional irão ministrar palestras sobre pesquisas de ponta para uma plateia composta por lideranças globais da ciência, negócios, política, arte e sociedade.
Além do concurso e da conferência, os vencedores brasileiros poderão participar, antes, na Alemanha, de um treinamento de pitch e de atividades da campanha Research in Germany, do Ministério da Educação e Pesquisa (BMBF), que deverá incluir a visita a centros de pesquisa e empreendedorismo em Berlim.

Serviço:

Falling Walls Lab Belo Horizonte
Data: 23 de setembro de 2019
Horário: 14 às 18 horas
Local: Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG)
Escola de Engenharia, Seminário 1010 – Bloco de Ligação
Av. Antônio Carlos, 6627 | Campus Pampulha – Belo Horizonte (MG)
Inscrições pelo link: https://www.daad.de/surveys/483712?lang=pt-BR  

(Vagas limitadas) e o Inglês deverá ser pleno para os pitchings

Em Belo Horizonte, o concurso está sendo promovido pelo DWIH São Paulo, em parceria com o Serviço Alemão de Intercâmbio Acadêmico (DAAD).

A Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), a Empresa Brasileira de Pesquisa e Inovação Industrial (Embrapii), EURAXESS Brazil, a Secretaria de Desenvolvimento Econômico (Sede) do Estado de Minas Gerais, a Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais (Fapemig) e a editora científica Springer Nature.

Falling Walls Lab Fortaleza

Data: 20 de setembro de 2019
Horário: 16 às 20 horas
Local: Universidade Federal do Ceará (UFC)
Auditório Antônio Martins Filho (Reitoria- UFC)
Av. da Universidade, 2853 | Benfica – Fortaleza (CE)

Não há necessidade de inscrição prévia

Em Fortaleza, o concurso está sendo organizado pelo Serviço Alemão de Intercâmbio Acadêmico (DAAD) em conjunto com o Centro Alemão de Ciência e Inovação (DWIH São Paulo), em parceria com a Universidade Federal do Ceará (UFC), a Universidade Estadual do Ceará (UECE), EURAXESS Brazil, a Universidade de Fortaleza (Unifor), a Câmara de Comércio e Indústria Brasil-Alemanha do Ceará (CCIBAC) e a Casa de Cultura Alemã (CCA).

About Paulo Fernandes Maciel

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

*