Home / Dicas / Cinco motivos para aderir cloud computing

Cinco motivos para aderir cloud computing

Cloud – A sua pequena empresa não só pode como deve aderir aderir  à cloud computing.

cloud computing

Cinco motivos para aderir cloud computing

Cloud: Investir em um novo negócio não é nada fácil – a começar pelos custos, que impactam na sua economia.

Existe um serviço na nuvem que apareceu para auxiliar os pequenos empresários nesta missão.

Todo empreendedor sabe que começar um negócio requer muita cautela.

A gente precisa pensar em tudo: clientes, funcionários, capital de giro, capital de investimento, parcerias, infraestrutura, estoque…

São tantas coisas!

Daí que nos últimos anos surgiu no mercado um serviço que facilitou  esse plano de negócios, diminuindo  custos e otimizando tempo.

É, você pode até não acreditar, mas o Cloud Computing apareceu como “salvador da pátria” para muitos pequenos empreendedores.

Agora, a questão não é sobre migrar para a nuvem e sim quando fazer isso!

A notícia é boa para todo mundo que tem uma empresa e precisa aumentar o desempenho do seu negócio, mas, especialmente, para os pequenos empresários que acabam esbarrando em muita dificuldade apresentada no mercado, como na burocracia dos documentos.

Imagine a seguinte cena: uma nuvem (internet) e tudo pode estar conectada a ela.

Computadores, notebooks, mobile (smartphones), data bases, remote servers, remote desktops… Tudo está conectado a um único servidor disponível em cloud computing!

Entendeu? Isso é a Computação em Nuvem!

Leia também: Google inaugura centro de cloud computing em SP

Bem, vamos parar de imaginar e ir para prática!

A nuvem existe e tem feito um sucesso em toda empresa que investe nela. O investimento não é alto.

A facilidade de migração é efetiva. E existe segurança nesse processo.

Se você ainda não “viu” motivos suficientes para migrar para a nuvem, confira!

 

1 – Segurança Digital

Quando seus arquivos estão na nuvem, eles têm uma segurança reforçada.

Os provedores investem muito dinheiro todos os anos para manter as informações altamente seguras nos seus centros de dados.

Uma maneira fácil de entender é pensando em um arquivo específico como sendo um quebra-cabeça de várias partes.

Quando você coloca esse arquivo na nuvem, ele é fragmentado em várias partes e mesmo que haja um ataque de hacker, ele só conseguirá uma parte do todo.

Além disso, é possível fazer a recuperação do arquivo integralmente (esse backup é feito de maneira automática).

 

2 – Armazenamento em grande quantidade

A nuvem está preparada para receber arquivos de vários tamanhos e formatos.

As ferramentas cloud facilitam o trabalho de toda empresa que precisa arquivar ou interagir documentos com outros usuários.

Dessa forma, os colaboradores podem executar projetos internos em um ambiente altamente seguro e com alto nível de controle.

3 – Redução de Custos

Se por um lado você teria que ter um alto custo com um data base físico, no mundo digital esse gasto é totalmente minimizado.

Você não precisará de um sistema de refrigeração elétrica, nem comprar hardwares ou softwares de alto valor, nem gastar dinheiro com a manutenção periódica da infraestrutura e nem mesmo ter uma equipe de TI focada 24 horas nesse data base.

Dessa forma, seus recursos financeiros podem ser usados para outros fins.

O pagamento da nuvem é totalmente democrático e se encaixa no famoso “Pay Per Use”, ou seja, você só pagará pelo que consumir em determinado período.

 

4 – Agilidade para acessar arquivos

Outra vantagem de estar na nuvem é que você tem mais agilidade para acessar seus documentos – a conectividade é ágil, tudo é feito em questões de segundos.

Você pode, por exemplo, optar por concentrar na nuvem suas tarefas mais importantes sem se preocupar com a compra de softwares ou com o aumento de armazenamento.

Além disso, você pode acessá-los de qualquer lugar do mundo e a qualquer hora – desde que tenha o acesso habilitado (login e senha) e o acesso a rede de internet.

Especificamente sobre o acesso, saiba que ele pode ser feito por computadores, notebooks ou mobile – sendo que as plataformas são expansíveis para esses mecanismos.

Se você mantém seu acesso, você pode acessar de qualquer dispositivo.

 

5 – Flexibilidade e Escalabilidade

Os especialistas em tecnologia gostam muito de usar a expressão “escalabilidade”, que tem a ver com o fato de ser adequado à sua empresa independente do tamanho dela.

Por exemplo, hoje você é um microempreendedor…

Só que com o passar do tempo, a sua empresa crescerá muito e você precisará de mais serviços da nuvem.

O que acontece? Nada demais.

É só você solicitar um novo recurso.

Logo, a nuvem se adequa ao seu perfil, ao seu crescimento, ao seu sucesso.

Confira o vídeo da empresa Binário Cloud que explica um pouco sobre a necessidade do uso desta tecnologia:

 

Entenda os tipos de computação em nuvem e invista agora mesmo!

Com os motivos comprovados, não restam muitas dúvidas sobre a migração do sistema tradicional para a nuvem.

Agora, você só precisa entender, de forma simples, a diferença entre os tipos de cloud computing.

Após escolher o tipo de nuvem que melhor se adequa ao seu negócio, o ideal é buscar conhecimento para fazer a migração da forma correta.

Confira também:

Google inaugura centro de cloud computing em SP

Retorno positivo do cloud computing pelas empresas

 

Dicas Cloud

A Locaweb é a empresa mais completa em soluções de tecnologia do Brasil. Serviços como Cloud Hosting, Cloud Server Pro, Revenda Hospedagem Cpanel, Servidores Dedicados, Email Marketing, Streaming, Telefonia Voip, VPS, SSL e muito mais para você ou para a sua empresa você encontra na Locaweb. Acesse por este link e tenha acesso a todos os descontos da Locaweb.

Para mais conteúdo sobre Cloud Computing, acesse o site OverBr.

About Paulo Fernandes Maciel

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

*