Home / Artigos / Empresas de perfil digital como Fintechs se destacam

Empresas de perfil digital como Fintechs se destacam

Fintechs apostam em empresas especializadas para gestão na nuvem

Que as startups e fintechs nascem digitais não é novidade.

Com equipes enxutas e empreendedores ávidos por novas tecnologias e ferramentas que facilitam o dia a dia do negócio, existe um movimento recente de fintechs em busca de empresas especializadas para terceirizar a gestão da infraestrutura na nuvem, como é o caso da SD Bank, uma conta digital que oferece opções de pagamentos pré-datados por meio da plataforma virtual.

Banner de fintechs

Ofertas mais acessíveis e customizadas dos provedores de infraestrutura como a Mandic Cloud Solutions conquistam o mercado de negócios escaláveis

O que poderia ser um custo adicional na receita se tornou um investimento essencial para o crescimento da companhia.

Isso porque, com o apoio da Mandic Cloud Solutions, líder brasileira na gestão de ambientes em nuvem corporativa, a SD Bank encontrou o que precisava para escalar o negócio e focar no desenvolvimento de novos produtos.

“Era preciso uma infraestrutura que sustentasse o número de transações realizadas diariamente e que, ao mesmo tempo, pudesse crescer junto com o cliente proporcionando um ambiente seguro e estável”, afirma Alexandre Costa, executivo de contas da Mandic Cloud Solutions.

Mídias de apoio à Fintechs

Recursos nem sempre disponíveis

Para Adriano Silveira, CEO da SD Bank, outro ponto decisivo na hora de optar pelos serviços da Mandic Cloud foi perceber que contratar alguém dedicado para trabalhar na equipe interna não seria uma boa estratégia, pelo custo que isso significaria no orçamento e pelo profissional não ter o mesmo know how se comparado a uma empresa especializada.

“É raro encontrar startups que tenham recursos sobrando, por isso, todo investimento precisa ser estratégico para não inviabilizar o próprio negócio”, esclarece Silveira.

O início do projeto de arquitetura de dados começou em meados de 2017 com uma solução hospedada na nuvem da Mandic Cloud.

Atualmente, os sistemas da SDBank rodam em seis servidores incluindo gerenciamento de backup e replicação do banco de dados, o que garante total disponibilidade e segurança do ambiente transacional.

 

Parcerias para flexibilização

A parceria entre as empresas, segundo Silveira, é positiva e tem tudo para se manter.

“Em time que está ganhando não se mexe.

Vamos passar por uma fase de crescimento exponencial e o apoio da Mandic Cloud será fundamental neste processo”, revela o empreendedor.

Para o executivo de contas da Mandic Cloud, entre as vantagens de se ter uma empresa especializada na gestão da infraestrutura, destacam-se a disponibilidade da área técnica no atendimento ao cliente e a flexibilização do contrato.

“Se o cliente deseja ter um relacionamento de longo prazo, ele consegue usufruir de soluções a um custo fixo mensal, ou ainda contratar serviços sob demanda”, diz Costa.

Em geral, o modelo contratado varia de acordo com as necessidades identificadas durante a negociação.

“A relação de custo-benefício é vantajosa pois, além de acessível, permite aos empreendedores começarem o negócio totalmente focados em seu core business, sem a preocupação com a parte de infraestrutura”, complementa.

 

Dados de mercado sobre fintechs

As movimentações de cheques físicos pré-datados atingiu 37 milhões de operações financeiras, em 2017, o que representa cerca de R$ 60 bilhões em transações no Brasil, segundo dados do Banco Central.

Para a SD Bank, o cenário é positivo, considerando o potencial de crescimento neste nicho.

A fintech já possui mais de duas mil contas ativas e movimenta diversas operações por minuto.

Com clientes corporativos e pessoas físicas em todo o território nacional, as regiões mais atendidas são o Sudeste e o Sul, respectivamente.

Sobre a Mandic Cloud Solutions

A Mandic Cloud Solutions é uma empresa brasileira especializada em serviços gerenciados em cloud corporativo.

Oferece consultoria focada em tecnologia cloud e em projetos de arquitetura, implantação, migração e evolução de negócios na jornada para cultura digital nas empresas.

Possui expertise na gestão cloud para infraestrutura, aplicações, monitoramento de métricas de negócios, Devops e Engenharia de Dados (Big Data).

Especialista em Clouds, entrega serviços profissionais e gerenciados em nuvem própria, baseada em Openstack e VmWare, e também nas principais nuvens públicas de hiperescala como AWS, Azure e Google Cloud.

Saiba mais em: www.mandic.com.br

 

 

Resolução do BACEM

 

Na resolução 4.658, o regulador do mercado financeiro estabelece uma nova política de segurança cibernética.

Pela nova resolução, os bancos que quiserem colocar suas informações relevantes na nuvem poderão contratar esse fornecedor de nuvem no Brasil ou no exterior, desde que recebam a anuência prévia do Banco Central.

O BC regulamentou também as Fintechs, através das resoluções 4.656 e nº 4.657, que tratam das Sociedades de Empréstimo entre Pessoas (SEP) e as Sociedades de Crédito Direto (SCD).

 

Em paralelo à isso, existe um crescimento na demanda de startups e fintechs na contratação de serviços de empresas especializadas em gerenciar os dados no ambientes da nuvem, seja em cloud própria ou nas gigantes como Amazon, Azure e Google Cloud.

A relação de custo-benefício parece ser vantajosa, já que essas empresas possuem uma equipe enxuta que não necessariamente tem expertise para fazer o trabalho dentro de casa.

Fonte de dados do Bacen: https://www.bcb.gov.br/pre/normativos/busca/normativo.asp?numero=4658&tipo=Resolu%C3%A7%C3%A3o&data=26/4/2018

About Paulo Fernandes Maciel

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

*