Home / Hardware e Modding / Kingston traz a linha DC500 de SSDs para data centers

Kingston traz a linha DC500 de SSDs para data centers

Kingston lança linha de SSDs para data centers

 

• Unidades de estado sólido DC500 cumprem requisitos rigorosos de quality of service (QoS) para desempenho de entrada e saída de dados (I/O) previsíveis e baixa latência
• Modelo DC500R é otimizado para aplicações de leitura intensiva e DC500 M para cargas de trabalho mistas, tanto de leitura quanto de gravação

SSDs linha DC500

A Kingston, líder global de produtos de memória e soluções de tecnologia, anuncia a linha DC500 de SSDs (unidade de estado sólido) para data centers, que tem os modelos DC500 R, otimizado para aplicações de leitura intensiva, e DC500 M, ideal para cargas de trabalho mistas.

Ambos cumprem os requisitos rigorosos de quality of service (QoS) da Kingston para garantir um desempenho aleatório previsível de entrada e saída de dados (I/O), e baixas latências em ampla variedade de cargas de trabalho, tanto de leitura quanto de gravação.

 

SSDs para Leitura intensiva

O DC500R foi desenvolvido para aplicações de leitura intensiva, como inicialização de sistemas operacionais, servidores da web, infraestrutura de desktop virtual, bancos de dados operacionais e análises em tempo real. Fornecedores de serviços em nuvem e arquiteturas de armazenamento definidos por software podem aproveitar o desempenho consistente de I/O e latência da unidade para fornecer a QoS necessária em ambientes com grandes demandas de leituras de dados.

O DC500 R tem 0.5 DWPD (unidade de gravação por dia) e permite que os administradores de TI aumentem seus investimentos em hardware de armazenamento com uma unidade que oferece desempenho, resistência e confiabilidade.

Já o DC500 M foi projetado para cargas de trabalho de uso misto em aplicações com equilíbrio ainda maior entre as demandas de I/O de leitura e gravação no SSD.

É ideal para provedores de serviços em nuvem e estruturas de armazenamento definidas por software que precisam de infraestrutura flexível para adaptar e gerenciar efetivamente as cargas de trabalho transacionais, como inteligência artificial, análise de big data, computação em nuvem, aplicações de banco de dados, depósito de dados (data warehousing), aprendizado automático (machine learning) e bancos de dados operacionais.

O DC500 M tem classificação de resistência de 1,3 DWPD e é ideal para o mercado de servidores rack-mount de alto volume para atualizações de baia de unidade interna, servidores de data center de hiperescala e provedores de serviços em nuvem com subsistemas de armazenamento de baixo custo e alto desempenho.

“A QoS de um SSD corporativo é essencial para aplicações de computação em nuvem que exigem níveis de desempenho de armazenamento previsíveis e atendam as demandas dos clientes. Os novos SSDs da série DC500 oferecem excelente desempenho a aplicações intensivas de data centers desde o estágio de desenvolvimento da aplicação até a experiência do usuário final no downstream”, disse Keith Schimmenti, gerente de negócios corporativos de SSD da Kingston. “Para garantir a segurança dos dados do usuário, o DC500 incorpora proteção completa, inclusive em caso de queda de energia. Essa é a solução de armazenamento de data center ideal para quem busca unir confiabilidade de nível corporativo, rigorosos requisitos de QoS e a excelência do suporte pré e pós-venda da Kingston.”
Os SSDs DC500 estão disponíveis nas capacidades de 480 GB, 960 GB, 1,92 TB e 3,84 TB. Mais informações sobre a Kingston e seus produtos estão disponíveis em www.kingston.com.br

Características e especificações técnicas do SSD Data Center DC500 Enterprise:

• Otimizado para aplicações de leitura intensiva (DC500 R): A capacidade de resposta de baixa latência e desempenho de I/O consistente fornece às empresas a QoS necessária para cargas de trabalho com leitura intensiva de dados
• Otimizado para aplicações de uso misto (DC500 M): Um equilíbrio excepcional de entrega consistente de I/O e alto desempenho de leitura e gravação de entrada e saída de dados por segundo (IOPS) para gerenciar uma ampla variedade de cargas de trabalho transacionais
• Reduz a latência das aplicações: Os bancos de dados de hospedagem do data center e vários aplicativos baseados na web podem aproveitar o desempenho previsível de I/O e latência
• Proteção de integridade de dados: A proteção ECC com gerenciamento avançado de leitura/distúrbio evita corrupção de dados de ponta a ponta
• Proteção de perda de energia on-board (PLP): Reduz a possibilidade de perda de dados com quedas de energia e/ou corrupção gerada por falha de energia por meio de capacitores de energia e firmware
• Fator de forma: 2.5”
• Interface: SATA Rev. 3.0 (6Gb/s) – compatível com versões anteriores ao SATA Rev. 2.0 (3Gb/s)
• Capacidades1: 480GB, 960GB, 1.92TB, 3.84TB (DC500M 3.84TB será disponibilizada no segundo semestre)
• NAND: 3D TLC
• Unidade com autocriptografia (SED): AES 256-bit Encryption

• Leitura/gravação sequencial: (DC500 R)
480GB – 555MBs/500MBs
960GB – 555MBs/525MBs
1.92TB – 555MBs/525MBs
3.84TB – 555MBs/520MBs

• Leitura/gravação 4k de estado estável: (DC500 R)
480GB – 98,000/12,000 IOPS
960GB – 98,000/20,000 IOPS
1.92TB – 98,000/24,000 IOPS
3.84TB – 98,000/28,000 IOPS

• Leitura/gravação sequencial: (DC500 M)
480GB – 555MBs/520MBs
960GB – 555MBs/520MBs
1.92TB – 555MBs/520MBs
3.84TB – 555MBs/520MBs

• Leitura/gravação 4k de estado estável: (DC500 M)
480GB – 98,000/58,000 IOPS
960GB – 98,000/70,000 IOPS
1.92TB – 98,000/75,000 IOPS
3.84TB – 98,000/75,000 IOPS
• Qualidade do serviço (Latência)2 3 4: TYP leitura/escrita: <500 µs / <2 ms
• Compatível com hot-plug

 

Disposições gerais

 

¹ Parte da capacidade listada em um dispositivo de armazenamento flash é usada para formatação e outras funções e, portanto, não está disponível para armazenamento de dados.

Como tal, a capacidade real disponível para armazenamento de dados é menor do que a que está listada nos produtos.

Para mais informações, acesse o guia de memória flash da Kingston em

https://media.kingston.com/pdfs/FlashMemGuide_BR.pdf.
² Carga de trabalho baseada em FIO, Aleatório 4KB QD = 1 carga de trabalho, medida como o tempo gasto para 99,9% dos comandos para concluir a viagem de ida e volta do host para a unidade e para o host.
³ Medição tomada quando a carga de trabalho atingiu o estado estacionário, mas incluindo todas as atividades em segundo plano necessárias para a operação normal e a confiabilidade dos dados.

4 Com base na capacidade de 960 GB.
5 O total de bytes gravados (TBW) é derivado da carga de trabalho do JEDEC Enterprise (JESD219A).
6 Drives Writes Per Day (DWPD).
7 Garantia limitada de 5 anos ou SSD “Life Remaining”, que pode ser encontrado usando o Gerenciador de SSD da Kingston (www.kingston.com/br/support/technical/ssdmanager). Um novo produto não usado mostrará um valor indicador de desgaste de cem (100), enquanto um produto que atingiu seu limite de resistência de ciclos de apagamento de programa mostrará um valor indicador de desgaste de um (1). Veja www.kingston.com/br/wa para detalhes.

Nota: O nome e o logotipo Kingston são marcas registradas da Kingston Technology Corporation. Todos os direitos são reservados. Todas as demais marcas são propriedade de seus respectivos detentores.

 

Sobre a Kingston:

A Kingston Technology é líder mundial em produtos de memória e soluções de tecnologia.

Por meio de sua rede global de subsidiárias, afiliadas e instalações de fabricação, a Kingston projeta, fabrica, testa e distribui soluções de memórias DRAM, Flash e embarcada, bem como periféricos de sua marca gamer HyperX.

A Kingston tem sede em Fountain Valley, na Califórnia/EUA, e tem escritórios de vendas e representantes em todo o mundo, incluindo nos Estados Unidos, Canadá, China, Europa, Europa Oriental, Índia, América Latina, Rússia e Taiwan.

Para mais informações, ligue para 0800-810-5464 ou visite www.kingston.com.br

About Paulo Fernandes Maciel

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

*