Home Artigos Engenharia e construção: quais os desafios e oportunidades do cenário em 2021?

Engenharia e construção: quais os desafios e oportunidades do cenário em 2021?

por admin
Obra de engenharia

O ano de 2020 trouxe com muitas mudanças na estruturação das empresas, grande parte delas em decorrência da pandemia. Para atualizar repertórios e buscar novas soluções, muitas empresas vêm buscando no mercado novas metodologias e soluções. “Existe uma procura por metodologias mais eficazes e rápidas”, avalia o head of Capital Projects and Infraestructure da Verum Partners, David Elio.

Segundo a Sondagem da Indústria da Construção, realizada mensalmente pela Confederação Nacional da Indústria (CNI), com o apoio da Câmara Brasileira da Indústria da Construção (CBIC), a indústria da construção segue em ritmo de otimismo, com avanço da atividade, do emprego e da utilização da capacidade. Os empresários da construção seguem confiantes, porém a retomada da indústria da construção acontece em um nível inferior ao da pré-pandemia e ao do mesmo período em 2019.

Destaca-se o avanço, entre os principais problemas da construção, da falta ou alto custo da matéria-prima. O problema se tornou o maior do setor no terceiro trimestre de 2020, assinalado por 39,2% das empresas. No segundo trimestre, esse problema era apenas o 11º mais importante e foi assinalado por 9,5% das indústrias de construção.

Aproveitar o momento para descobrir novos nichos de atuação e estudar novas maneiras de realizar a gestão de projetos é essencial na visão do head. “Muitas empresas enfrentaram dificuldades. Uma gestão eficiente poupa gastos e otimiza o tempo de entrega dos serviços”, pontua o especialista em gestão para grandes projetos de capital e infraestrutura.

Elio ainda explica que vem trabalhando com a metodologia AWP, que foi idealizada no Canadá e importada para o restante do mundo. “Estamos trabalhando com a difusão do AWP na América Latina e os resultados se mostram promissores. Grandes empresas como Braskem e Vale já conseguiram melhorias no processo com o uso da metodologia”, comenta.

Ele explica que Advanced Work Packaging (AWP) é uma metodologia que permite orientar todas as ações do projeto para a frente de trabalho. Tem como princípio o detalhamento de todos os pacotes de trabalho, até os pequenos pacotes, que devem ser programados para execução considerando as restrições de: materiais, equipamentos, acessos, documentação técnica e instruções e permissões de trabalho.

Para David Elio, o contato – e adesão -, a novas metodologias será um influenciador na retomada das empresas pós-crise. “Nesse novo cenário, buscamos democratizar o acesso à metodologia AWP que facilita os processos de gestão, do começo até a entrega da obra, otimizando processos, fluxos e prazos, com consequente redução de custos”, analisa o especialista, que vem voltando esforços para consolidar a Comunidade de Práticas AWP na América do Sul a partir de um Grupo no LinkedIn.

Visando desenvolvimento no setor de grandes projetos de capital e infraestrutura, o head também anuncia que as consultorias Verum Partners e Innvolve estão se unindo. A partir da incorporação iniciada em janeiro de 2021, operando com 70 profissionais, a Verum Partners passará a atuar em relevantes projetos de capital no Brasil e América do Sul, com investimentos acumulados em mais de R$ 175 bilhões na carteira de 25 clientes vigentes, um importante incremento ao setor.

Na visão do especialista, é o momento de repensar processos e custos, para um reinício com mais qualidade e menos perdas. “Altos investimentos em obras demandam complexidade no planejamento dos custos, gestão de prazos e controle de qualidade, oferecendo inúmeros riscos. É nesses processos, entre outros, que AWP integra-se com outras ferramentas como BIM, Agile e Lean Construction, minimiza perdas e mitiga riscos e prejuízo. Buscamos investir mais no setor para a retomada, a união de empresas é um passo. A comunidade de práticas é outro passo. Vamos caminhando para fortalecer a economia”, conclui.

Website: https://verumpartners.com.br/

Você também pode gostar

Deixe um Comentário