Home Noticias Cresce no Brasil demanda por mentoria de negócios

Cresce no Brasil demanda por mentoria de negócios

por admin

O aumento da contratação por serviços de mentoria é um sinal claro de que os empreendedores brasileiros estão abertos à aprendizagem. No entanto, será que essa abertura ao conhecimento está relacionada a uma atitude totalmente voluntária e dedicada ao saber? Com tantas mudanças no mercado, as quais acontecem em um ritmo cada vez mais frenético, grande parte dos empreendedores já não consegue acompanhar tantas inovações e mudanças na forma de consumir dos clientes.

Por tudo isso, contar com a ajuda de um profissional experiente e superantenado às tendências do mercado tornou-se quase uma exigência para o mundo dos negócios. Necessitado de evidenciar e criar novas vantagens competitivas, o empreendedor precisa sempre inovar, criando novos processos, produtos/serviços e principalmente novas formas de relacionar com seus clientes.

De acordo com a ABMEM – Associação Brasileira dos Mentores de Negócios, nos anos 2019 e 2020 o número de mentores de negócios disparou 78% em comparação ao ano de 2016, saindo de uma amostragem de oito mil para 35 mil mentores. A média de crescimento é de 19,5% ao ano, com expectativas de expansão em longo prazo, segundo visão da associação.

No entanto, diante dessa vasta oferta de mentores, como o empreendedor pode identificar o profissional certo para o seu tipo de negócio? A recorrência dessa dúvida é extremamente importante para elucidar a função do mentor, tendo em vista que ela trata justamente da sua essência, ou seja, a mentoria somente poderá ser útil para uma determinada empresa ou profissional se o histórico do mentor demonstrar experiência na área de negócios para a qual está sendo contratado.

De acordo com definição especificada pela ABMEN, a mentoria de negócios, “é um processo que inclui apoiar, subsidiar com dados e informações, levar à reflexão e estimular a aprendizagem organizacional, valendo-se, para isso, de uma metodologia que a subsidie”. Portanto, como se observa, não existe mentoria sem experiência de mercado. Ao contratar um mentor, o empreendedor deve ficar atento ao seu currículo, pois o mesmo deve estar atrelado a experiências significativas e reais no campo dos negócios.

No ramo de consultoria há mais de 20 anos, o mentor e palestrante Jonas Pires afirma que a experiência é crucial quando se trata de resolver, com eficácia e durabilidade, as questões dos empreendedores. Tendo já atendido centenas de empresas como os Correios, Universidade Federal de Viçosa, Sebrae, CDL e diversas microempresas, o mentor de negócios comenta que os clientes precisam de mentorias que lhes ofereçam soluções práticas e não discursos eloquentes e respostas teorizadas. “Somente com bagagem de vida e um portfólio de soluções podemos ajudar os negócios de forma estratégica. Eu convivo diretamente e cotidianamente com as dores de vários empreendedores, por isso eu sei onde exatamente estão os gargalos dos negócios. Conheço de perto onde estão os problemas, por isso tenho condições reais e sustentáveis de oferecer soluções que vão aumentar resultados e corrigir problemas.”, afirma Jonas Pires.

Website: https://jonaspires.com.br/

Você também pode gostar

Deixe um Comentário