Home Negócios ALMACO firma acordo de cooperação com a SAE Brasil

ALMACO firma acordo de cooperação com a SAE Brasil

por admin

A Associação Latino-Americana de Materiais Compósitos (ALMACO) firmou um acordo de cooperação com a SAE Brasil. Principal representante da indústria de compósitos da região – um tipo de plástico especial -, a ALMACO está intermediando os contatos entre seus associados e as universidades que participam do 1º Desafio SAE Brasil & Ballard Student H2 Challenge.

Lançado em 2020, o desafio é uma iniciativa pioneira e visa à aproximação de estudantes com a tecnologia de hidrogênio para a mobilidade. “Oito universidades foram selecionadas nas etapas digitais em agosto de 2020 para participar da competição, atividade que está envolvendo mais de 150 alunos de onze cursos diferentes”, conta Monica Saraiva Panik, diretora da Associação Brasileira do Hidrogênio e Mentora da Mobilidade a Hidrogênio da SAE Brasil.

Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP), Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), Centro Universitário FEI, Instituto Mauá de Tecnologia, Universidade Federal de Itajubá, Universidade Federal do ABC, Centro Universitário Facens e SENAI CIMATEC integram a lista de participantes.

Quatro equipes trabalham na construção de veículos do tipo baja, enquanto outras quatro desenvolvem modelos fórmula SAE – todos com sistema de tração elétrica alimentada por células a combustível hidrogênio doadas pela Ballard Power Systems. Devido à pandemia, ainda não há uma data definida para a realização das provas presenciais. “Tudo indica que devem ficar para o segundo semestre”, observa Monica.

Por meio de um grupo de WhatsApp, empresas do setor de compósitos – por ora, Gatron, Novapol, Parker LORD, Polynt-Reichhold e Texiglass – e as equipes trocam informações e conhecimento, além de combinarem a cessão de materiais. “Estamos empolgados de poder participar do Student H2 Challenge, pois entendemos que os compósitos têm um papel crucial na viabilidade dos veículos movidos a hidrogênio”, afirma Erika Bernardino Aprá, presidente da ALMACO, lembrando que ainda há espaço para outras empresas interessadas.

Caracterizados pela combinação de baixo peso e elevada resistência, os compósitos dão forma a diversos componentes de veículos leves e pesados, como tanques para as células a combustível, para-choques, tetos e capôs, entre outros.

Website: http://www.almaco.org.br

Você também pode gostar

Deixe um Comentário