Home Lançamentos MCTI e EMBRAPII lançam rede digital com o Inatel

MCTI e EMBRAPII lançam rede digital com o Inatel

por Paulo Fernandes Maciel
5G Inatel

Inatel integra Rede de Inovação em Transformação Digital lançada pelo MCTI e EMBRAPII


O Inatel, como Unidade Regional EMBRAPII, será membro da Rede de Inovação em Transformação Digital lançada pelo MCTI e EMBRAPII; para troca de conhecimento entre as Unidades e as empresas. O objetivo será incentivar o uso e o desenvolvimento de tecnologias digitais aplicadas ao processo produtivo industrial nacional. Para isso, a rede colocará os pesquisadores em contato com as demandas empresariais; além de garantir, em cinco anos, um aporte financeiro para modernização da indústria, visando alavancar a economia brasileira.

Evento de lançamento com transmissão ao vivo, participação do ministro do MCTI, astronauta Marcos Pontes e diretor-presidente da EMBRAPII/MCTI, Jorge Guimarães

Alguns dos temas em destaque para atualização empresarial são especialidades do Inatel; como Internet da Coisas (IoT), Indústria 4.0 e Conectividade. A rede criará consórcios entre empresas e Unidades EMBRAPII para acelerar a pesquisa e o desenvolvimento de produtos, até chegarem ao processo de prototipagem para introdução no mercado.

MCTI e EMBRAPII, reunião com o Inatel
Evento com participação do Min. Marcos Pontes (Foto: Leonardo Marques – ASCOM/MCTI)

Este desenvolvimento de competências estratégicas para as demandas industriais mantém as Unidades EMBRAPII, como o Inatel, à frente do conhecimento nacional, gera riqueza intelectual e econômica para o país; e incentiva a produção nacional de tecnologias de ponta, para redução da dependência internacional, ou seja, da importação.

O Inatel fará parte de um dos quatro comitês, que terão funções específicas:

Operacionalização; startups; infraestrutura e veículos autônomos e mobilidade. Esses grupos vão debater formas para o desenvolvimento dessas áreas. As startups são consideradas fundamentais pela Rede para ajudarem a colocar a tecnologia no mercado e o Instituto poderá contribuir, mais uma vez, com sua grande experiência, por contar com uma Incubadora de Empresas própria e um Núcleo de Empreendedorismo voltado ao desenvolvimento de startups tecnológicas.

Santa Rita (do Sapucaí) no Mundo

Segundo o Pró-Diretor de Desenvolvimento de Tecnologias e Inovação, Carlos Augusto Rocha, “para o Inatel, o convite oferecido pela EMBRAPII é mais um reconhecimento da seriedade e competência do Instituto na área, além da oportunidade de trabalharmos com projetos inovadores, que promovam a transformação digital, contribuindo com o crescimento do processo produtivo industrial do país, obtendo uma formação de obra qualificada e colaborando com o avanço tecnológico do Brasil” enfatiza o representante da Instituição para a Rede de Inovação.

Lançamento da rede

A Rede foi lançada em 10 de março de 2021; com o anúncio do aporte financeiro de R$ 80 milhões via Empresa Brasileira de Pesquisa e Inovação Industrial; e Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação, que podem financiar até metade dos projetos. O legado que se espera alcançar, além do retorno em dobro dos investimentos em cinco anos; será o conhecimento e as trocas de competências desse ecossistema formado pelos 21 centros de pesquisas voltados à Transformação Digital para empresas e indústrias brasileiras.

Para inormações complementares acessem: www.inatel.br

Você também pode gostar

Deixe um Comentário