Home Games SporTV e VIU lançam canal de games no YouTube

SporTV e VIU lançam canal de games no YouTube

por Paulo Fernandes Maciel
SporTV

SporTV e VIU lançam canal no YouTube  especializado em games.

SporTV

O canal e-SporTV será lançado hoje com o narrador de games Gordox no elenco fixo do canal.

O SporTV lança, hoje, um canal exclusivo para games no YouTube.

A iniciativa é fruto de parceria com a VIU, unidade de negócios da Globosat dedicada à produção de conteúdo digital.

No e-SporTV, o público terá acesso a uma programação que inclui transmissões e mesas-redondas sobre o mundo dos jogos eletrônicos, além de realities temáticos.

O canal chega ao mercado para atender mais de 30 milhões* de jogadores e fãs de games.

 

Responsável por movimentar US$ 76,6 bilhões* e mais de 130 milhões de jogadores* em todo o mundo;

Essa categoria tem presença significativa no Brasil.

Em 2016, os brasileiros consumiram mais de 800 milhões de horas de jogos** e o país é o terceiro maior mercado de games do mundo***.

A estimativa é que sejam investidos US$ 517 milhões em publicidade, patrocínio e direitos de transmissão de games no ano de 2017****.

 

No dia da estreia, o canal irá funcionar como o pré-jogo da transmissão das semifinais do Campeonato Brasileiro de;

League of Legends (LoL), que serão transmitidas pelo canal linear na TV como já acontece desde 2016.

 

Criado em 2009, o LoL já possui mais de 100 milhões de jogadores ativos por mês*.

 

O narrador de games William Lemos, o Gordox, youtuber que é uma das principais referências brasileiras de games, será o responsável por receber convidados especiais nas transmissões dos dias 19 e 20 e é o primeiro nome do elenco fixo do e-SporTV.

Em estúdio, ele estará ao lado dos influenciadores Nyvi, Muca Muriçoca e Gabriel Revolta para comentar o desempenho dos jogadores das equipes Intz e-Sports e Pain Gaming, discutir as estratégias de cada time e falar sobre a modalidade.

“Os games despertam paixões no mundo afora assim como acontece com o futebol e o basquete, por exemplo.

O e-SporTV nasce com o desafio de ser referência como o principal canal de informações e troca de experiências de quem já entende muito do assunto:

Os gamers.!!!!

Queremos que esse público viva o universo dos games em uma plataforma com a chancela de qualidade de quem entende da transmissão de grandes eventos esportivos”;

Explica Alexandre Boyd, diretor de produto Esporte Grupo Globo.

“Unir o universo dos games tão difundidos no digital, e uma das principais categorias do YouTube, com o SporTV, reconhecido pela expertise em transmissões dos maiores eventos esportivos mundiais, traz um conteúdo poderoso para o público e também para os anunciantes, já que as marcas podem estar na TV e no YouTube”;

Completa Vanessa Oliveira, diretora de projetos digitais da VIU.

Após a estreia, o canal irá exibir uma mesa redonda semanalmente.

Gordox assume a bancada e recebe especialistas em League of Legends para falar sobre o cenário dos campeonatos, os jogadores e o mercado de games.

Outras modalidades que despertam atenção de milhares de jogadores no mundo também terão espaço no canal.

Para falar de Counter-Strike, o e-SporTV vai contar com comentários do jogador Gabriel Toledo, o Fallen, que já na estreia vai aparecer em um vídeo exclusivo.

Transmissão das semifinais de CBLoL.
Na TV linear, a transmissão começa no dia 19, às 13h.

O canal transmite um jogo aos sábados durante as classificatórias, todas as semifinais e finais de cada split.
No e-SporTV a transmissão começa dia 19, às 11h.

LoL conta com um público fiel no SporTV.

Ao longo de 2016, 2,7 milhões de pessoas assistiram às diferentes transmissões do jogo no canal linear, ou 101 mil pessoas por minuto;

Número dez vezes maior do que o público presente na final do CBLoL 2016, vencido pela Intz.

 

Foram 573 mil pessoas diferentes ligadas em cada uma das transmissões.*****

*Fonte: pesquisa realizada pela Área de Inteligência do Consumidor da Globosat
**Fonte: Twitch
***Fonte: Newzoo
****Fonte: Global Esports Market Report
*****Fonte: IBOPE Media Workstation

Você também pode gostar

Deixe um Comentário