Home Educação Saber falar uma segunda língua é um diferencial no mundo dos Games

Saber falar uma segunda língua é um diferencial no mundo dos Games

por admin

O mercado de games cresce cerca de 10% ao ano, segundo a Newzoo, empresa que faz análises sobre jogos e pesquisas referentes ao setor. No Brasil, a realidade não é diferente, com um mercado que chama a atenção. No ano passado, aproximadamente 81 milhões de jogadores brasileiros ajudaram a gerar uma receita de US$ 1,6 bilhão. Para a Newzoo, o mercado seguirá em alta por muitos anos e gerará mais renda quando houver melhoria na infraestrutura de rede de internet.

Não à toa, o mundo dos eSports está se disseminando cada vez mais no país, assim como o crescimento de profissões relacionadas ao setor. Contudo, algo que ainda é uma dificuldade para jogadores e profissionais brasileiros é o conhecimento na língua inglesa. O inglês é a língua-mãe de boa parte dos jogos e, apesar de alguns programadores já investirem em traduções, ainda é um tabu tanto para jogadores quanto para o público que os acompanha.

Não se trata só de jogar

No Brasil, cerca de 140 milhões de pessoas são consumidoras de conteúdos sobre jogos, considerando apenas a Twitch (plataforma internacional de streaming). Por meio da plataforma, é possível acompanhar grandes nomes em streaming no país, como: Gaules, Alanzoka, Nobru, Babi, Yoda, entre diversos outros. E acompanhando as transmissões feitas por eles, é visto que o inglês é sempre usado, seja em gírias voltadas a jogos ou até mesmo em tradução simultânea para que seus seguidores entendam o que está acontecendo nos games.

Para quem busca seguir nesta área, seja como jogador ou em profissões relacionadas ao desenvolvimento de jogos, o investimento na fluência do inglês se torna necessário para poder conquistar ainda mais espaço nas plataformas de streaming.

Na inFlux English School, escola de idiomas que garante o domínio do inglês em dois anos e meio, pode-se alcançar este objetivo. A escola garante em contrato o alcance dos 700 pontos ou mais no TOEIC (Test of English for International Communication), um dos testes de proficiência mais reconhecidos no mundo. Também é possível reduzir o tempo de aprendizado com os cursos intensivos e semi-intensivos.

eSports como foco

Para Ricardo Leal, CEO da inFlux, o aprendizado de um segundo idioma é essencial, principalmente se há interesse no setor de eSports. “O crescimento do mercado dos games é notório, podendo até virar modalidade nas Olimpíadas, futuramente. O investimento na língua inglesa é primordial, basta ver os grandes streamers que temos hoje em dia: todos têm ao menos um pouco de conhecimento da língua”, aponta Leal.

“Observamos o crescimento desse mercado mesmo durante a pandemia. Para quem está na luta por um espaço neste meio, posso dizer que o inglês ajuda a conseguir o tão sonhado reconhecimento nacional e quem sabe internacional. Há diversas plataformas e campeonatos mundiais para isso”, acrescenta Leal.

Website: http://www.influx.com.br

Você também pode gostar

Deixe um Comentário