Home Games Plataformas online são alternativa para eventos geek, como San Diego Comic-Con e CCXP

Plataformas online são alternativa para eventos geek, como San Diego Comic-Con e CCXP

por Paulo Fernandes Maciel

Com a pandemia, eventos precisaram buscar outras formas para acontecer e a Comic-Con será online como a de San Diego

Uma das recomendações principais para conter o número de contaminações causadas pelo novo coronavírus foi o afastamento social, com o cancelamento de eventos públicos como a Comic-Con que será virtual por conta de ser uma das ocasiões de aglomeração social.

Por conta disso, vários eventos geek ao redor do mundo precisaram repensar suas edições físicas, buscando alternativas para poder acontecer mesmo durante a situação de pandemia.

A escolha principal foi a transformação dos eventos públicos em edições online, por meio de lives e videoconferências.

Comic-Con
Oficina de games da SuperGeeks agita programação de férias no Iguatemi Alphaville

Apesar de a alternativa não substituir uma convenção física, que vai além das saturações em si, sendo um momento de interação entre fãs de vários lugares e um clima de empolgação muito característico, as plataformas online se tornaram a única alternativa para evitar o cancelamento completo de eventos icônicos.

Mesmo assim, grandes eventos decidiram não acontecer em 2020 – uma estratégia também válida, mas que pode enfraquecer a popularidade daqueles que já estão ameaçados.

Cancelamento de edições em 2020

No mês de março de 2020, uma declaração feita pela organização do evento confirmou o cancelamento da edição deste ano e afirmou que o foco estaria nos anúncios individuais realizados pelas próprias empresas.

A Electronic Entertainment Expo, mais conhecida como E3, é considerada a principal feira dedicada a jogos eletrônicos do mundo, sendo responsável por fazer o anúncio dos principais lançamentos de jogos do ano.

Apesar de ser um nome de peso, a feira tem passado por problemas de audiência, registrando uma queda nos números de audiência de suas últimas edições.

A organização afirmou que a edição de 2021 trará novidades, com um evento reimaginado, que pode ser a salvar ou condenar de vez as conferências, sendo substituída por eventos individuais das empresas.

Outro evento importante dentro do calendário de feiras do Brasil e que também anunciou o cancelamento de sua edição foi a Bienal Internacional do Livro de São Paulo.

O anúncio foi feito no início de junho pela Câmara Brasileira do Livro (CBL), sem indicativo de uma alternativa online. Assim, a 34ª edição da Bienal foi adiada para 2021, voltando a ser realizada em anos ímpares, o que não acontecia desde 1991.

Eventos com transmissão online

Por conta do cancelamento da E3, que estava prevista para acontecer em junho de 2020, as empresas de jogos eletrônicos se prepararam para organizar eventos virtuais, criando espaços para anunciar lançamentos de jogos e chamar a atenção do público.

Empresas como Sony, Microsoft, EA, Ubisoft e outras realizaram conferências ao vivo para apresentar novos consoles e fazer o lançamento de jogos.

A San Diego Comic-Con, uma das convenções mais famosas do gênero, também teve sua edição de maneira remota, com transmissões ao vivo, conteúdo pré-gravado e painéis.

Entretanto, o material gerado no evento não conseguiu atrair muito público, o que resultou em vídeos com pouca visualização e um baixo nível de engajamento nas redes sociais.

Entre os principais problemas estava a pouca interatividade com o público, aspecto essencial em feiras geeks, e nenhuma atenção para os cosplayers, tão associados a eventos desse tipo.

Outro evento que precisou se ajustar às recomendações de isolamento social foi a Comic-Con Experience, feira geek brasileira aos moldes da San Diego Comic-Con e considerada a maior feira nerd do país.

A edição de 2020 ganhou o nome de “CCXP Worlds: A Journey of Hope” e acontecerá em dezembro.

A organização afirmou que mais informações sobre a edição serão divulgadas em 25 de agosto.

As experiências que vêm acontecendo da adaptação de eventos físicos para plataformas online podem servir como um termômetro para as empresas, que precisam entender como a dinâmica sofre mudanças em relação às feiras tradicionais.

A necessidade de convenções e feiras online com mais interatividade e preparo deve ser levada em consideração, mesmo após a pandemia.

Praticamente todas as transmissões online do tipo podem ser assistidas na Twitch TV ou no YouTube, onde os vídeos ficam armazenados e podem ser vistos posteriormente, de acordo com o critério das empresas.

Basta ter acesso a um entre vários modelos de computadores e celulares baratos para conseguir participar do evento

Você também pode gostar

Deixe um Comentário