Home Dicas Startup: Como fazer o seu negócio dar certo

Startup: Como fazer o seu negócio dar certo

por Paulo Fernandes Maciel
negócio

Startup: como fazer o negócio dar certo e ser sem dúvida o melhor para você.

startup brasil aceleradora
O Porcentual de sobrevivência ainda é baixo no Brasil.

O professor do ISAE — Escola de Negócio dá dicas para boa administração.

As startups continuam sendo as apostas do mundo dos negócios e vêm ganhando cada vez mais espaço e incentivo no Brasil.

No ano passado, a Financiadora de Pesquisas e Estudos (Finep), do Ministério da Ciência e da Tecnologia,

anunciou um plano para investir em pelo menos 50 startups no país que faturem até 3,6 milhões anuais (cada uma receberá até R$ 1 milhão).

Fomentar o mercado é essencial, porém, é preciso estratégia além do capital para sobreviver.

A pesquisa do Sebrae mostra que 50% das startups no Brasil morrem em menos de cinco anos.

Mesmo com toda a expansão o número de investidor anjo ainda é baixo e muitas vezes esses acabam por assumir a Startup ao invés de levá-la a um porto seguro.

Leia também: – Dez regras de ouro para startups

São vários fatores que levam a esse alto porcentual, mas há quatro principais.

Diz o professor de estratégia e inovação do ISAE — Escola de Negócio, Sérgio Itamar.

 

Startup – Quatro Principais Fatores que Levam ao Insucesso das Startups

Produtos pouco criativos, capital insuficiente/ausência de viabilidade do negócio, sócios sem sintonia e equipe despreparada.

“Ainda há uma falta de preparo do empreendedor para o mundo dos negócios.

Uma preparação adequada economiza muito tempo e dinheiro.

O empreendedor não pode negligenciar o estudo e a sua preparação como executivo, inclusive buscando experiências anteriores”;

Salienta o professor.

Como a startup já nasce com vocação para grandes proporções e alcance, os erros podem causar impactos significativos, salienta Itamar.

“Os erros de gestão e estratégia, na administração e no controle e prioridade de gastos e fluxo financeiro e no acordo com acionistas devem ser tratados com o devido cuidado”;

Comenta o professor.

Leia também: – IBM e Startup Farm buscam top startups de Blockchain

O que fazer

Sérgio Itamar frisa que o empresário que começou uma startup deve buscar em primeiro lugar uma organização de apoio a empreendedores.

O ISAE, por exemplo, conta com o programa Aceleradora ISAE Business, que apoia projetos e empresas de alunos com ações que incluem networking, capacitação e mentoria, realizada por profissionais, consultores e professores da instituição (todos os anos é aberta também uma vaga para a comunidade).

“Consulte empreendedores com experiência e aprenda o máximo que puder.

Um empreendedor de sucesso jamais deixa de aprender e buscar fontes de aperfeiçoamento.

Seja humilde em admitir e buscar oxigenio ao negócio, o conteúdo que lhe falta”;

É o que frisa o professor.

Itamar lembra: o empreendedorismo é, acima de tudo, uma postura.

“Então, apesar da importância indelével do preparo pessoal e das competências administrativas, é preciso realizar, fazer acontecer.

Não esquecer de seu papel na liderança e protagonismo nessa aventura pelo mundo dos negócios”.

Completa o especialista.

 

Startup – Entenda os Principais Conceitos

Startup tem como conceito uma empresa emergente e pode ser definida por uma empresa iniciante.

As startups são geralmente de base tecnológica (devido ao baixo custo de investimento) e são possuidoras de um espírito empreendedor.

Além disso, elas possuem uma frequente busca por um modelo de negócio inovador.

E esse modelo de negócio inovador que agregará valor às startups.

Modelo de negócio escalável, a partir de uma ideia inovadora e a baixo custo, define uma startup.

 

O vídeo abaixo do Saiba + da TVNBR elucida de forma mais clara o conceito de startup.

Ele traz uma entrevista com a Claudia Bonifácio, analista da unidade de atendimento coletivo de serviços do SEBRAE DF.

Confira a entrevista sobre startup:

 

Startup – Cases de Sucesso

Um grande case de sucesso é o aplicativo de transporte Uber.

Ele faz a intermediação entre motoristas e pessoas que necessitam de locomoção (e pagam por isto), é um grande case de sucesso.

Conhecido mundialmente, o Uber é remunerado através de percentuais de comissão pela intermediação entre motoristas e usuários.

Outro case de sucesso é o Cleaner.

Cleaner é um aplicativo especializado na otimização de funcionamento de computadores e dispositivos que usam o sistema operacional Windows, Android e Mac OS X.

O Cleaner é disponível de forma gratuita.

E a empresa é remunerada através de anúncios que rodam nos aparelhos dos seus usuários.

Startup – Dicas de Literatura

Se você pretende iniciar ou evoluir com sua startup, sugerimos a leitura de alguns livros que poderá auxiliar no sucesso do seu negócio.

 

O lado difícil das situações difíceis: Como construir um negócio quando não existem respostas prontas

Autor: Ben Horowitz / Tradutor: Marcelo Brandão Cipolla

Em O lado difícil das situações difíceis, Ben Horowitz, cofundador da Andreessen Horowitz e um dos empreendedores mais respeitados e experientes do Vale do Silício, conta a história de como ele mesmo fundou, dirigiu, vendeu, comprou, geriu e investiu em empresas de tecnologia, oferecendo conselhos essenciais e normas de sabedoria prática para ajudar os empreendedores a resolver os problemas mais difíceis – aqueles de que as faculdades de administração não tratam.

Horowitz, grande fã de rap, ilustra as lições empresariais com letras de suas músicas favoritas e fala a verdade nua e crua sobre os assuntos mais espinhosos, desde como demitir um amigo até saber o melhor momento para vender a empresa. Confira!

 

A Startup Enxuta

Autor: Eric Ries

Como os empreendedores utilizam a inovação contínua para criar empresas extremamente bem-sucedidas na vanguarda do empreendedorismo do século 21, Eric Ries criou uma abordagem revolucionária para a administração, que gerou um movimento que está transformando a maneira como os novos produtos são criados, desenvolvidos e lançados.

Esses princípios se aplicam a todos aqueles que procuram construir produtos verdadeiramente novos sem desperdício, que podem ser utilizados tanto por startups de empresas de garagem quanto por inovadores presentes nas grandes empresas.

Ries, que é empreendedor residente na Harvard Business School, também define desperdício como “toda atividade que não contribui para se aprender a respeito dos clientes”.

Trazendo histórias da vida real e lições aprendidas de algumas das empresas mais dinâmicas da atualidade, o autor descreve um plano para que cada um possa executar os princípios fundamentais da startup enxuta em qualquer projeto. Confira!

 

De zero a um: O que aprender sobre empreendedorismo com o Vale do Silício

Autores: Blake Masters e Peter Thiel / Tradutor: Ivo Korytowski

Para Peter Thiel, cofundador do PayPal e investidor em diversas startups, como o Facebook, o próximo Bill Gates não criará um sistema operacional.

O próximo Larry Page ou Sergey Brin não desenvolverá um mecanismo de busca. E o próximo Mark Zuckerberg não criará uma rede social.

Se você está copiando essas pessoas, não está aprendendo com elas. É mais fácil copiar um modelo que criar algo novo.
O progresso vem do monopólio, não da competição.

Se você faz o que nunca foi feito e consegue fazer melhor do que qualquer um, tem um monopólio.

E qualquer negócio só é bem-sucedido na medida em que é um monopólio.

Mas quanto mais você compete, mais se torna parecido com todo o resto.

A competição destrói os lucros dos indivíduos, das empresas e da sociedade como um todo.

De zero a um:

O que aprender sobre empreendedorismo com o Vale do Silício não oferece fórmula para o sucesso.

O paradoxo de ensinar empreendedorismo é que tal fórmula não pode existir.

Como cada inovação é única, nenhuma autoridade consegue prescrever em termos concretos como ser inovador. Toda inovação vai de 0 a 1.

No livro, o autor revela como construir empresas que criem coisas novas.

Apresenta uma visão otimista do futuro do progresso e uma maneira original de pensar sobre inovação:

Ensina você a fazer perguntas que o levem a encontrar valor em lugares inesperados. Confira!

 

#VQD – Vai que dá!: Dez histórias de empreendedores que transformaram sonhos grandes em negócios de alto impacto

Autor: Joaquim Castanheira

Este livro reúne a origem de dez empreendedores que estão transformando o Brasil com o impacto dos seus negócios.
Qual seria o melhor sinônimo para “empreender”?

Quando ouve essa pergunta, Jorge Paulo Lemann, talvez o mais bem-sucedido empresário brasileiro, costuma responder:
“Vai que dá!” .

Essas três palavras traduzem o espírito dos empreendedores de alto impacto: um otimismo incurável, a paixão pelo negócio que criaram e a vontade contagiante de fazer acontecer.

Este livro reúne a origem de dez empreendedores que estão transformando o Brasil com o impacto dos seus negócios.

Suas histórias, comentadas por mentores que acompanharam de perto seus desafios, mostram que não há um trilho definido para o sucesso que possa ser explicado por teorias e manuais.

As trajetórias de cada um deles seguem um caminho próprio, que se cruzam apenas no brilho nos olhos com que cada um fala de sua jornada e de sua capacidade para resolver problemas da sociedade.

O exemplo desses empreendedores tem o enorme poder de inspirar e motivar aqueles que querem encontrar os seus próprios caminhos no mundo do empreendedorismo.

Para essas pessoas, Vai que dá! é leitura obrigatória. Confira!

 

A Revolução das Startups – O Novo Mundo do Empreendedorismo de Alto Impacto

Autor: Bruno Perin

Imagine você entrando em um super parque de diversões, são tantas possibilidades que até poderia se perder.

Assim, está o mundo do empreendedorismo de alto impacto hoje, são tantas oportunidades e consequências, que é normal ficarmos com aquela sensação de estar meio perdidos.

Este é o livro, que lhe mostra o que está acontecendo, como e por que agora é o melhor momento de você aproveitar tudo que existe neste universo.

Você compreenderá de uma vez por todas, o que são as Startups, suas principais características, por que elas são tão divertidas e os novos conceitos de empreendedorismo que trouxeram ao mundo.

Ainda, como são os novos ambientes dos empreendedores, suas ideias inspiradoras e como funcionam seus investimentos e competições.

A ideia é que as conversas daqui em diante sejam divertidas e inspiradoras.

E quando lhe perguntarem sobre essa loucura de novos negócios que mudam a nossa realidade, ou o impacto que algum app tem feito a sua vida, você diga:

“Claro, eu entendo bem deste universo, vem cá que te explico!”. Confira!

 

Você pode ler outros conteúdos sobre startup no OverBr.

Você também pode gostar

Deixe um Comentário