Home Artigos Os benefícios e as polêmicas do sistema 5G

Os benefícios e as polêmicas do sistema 5G

por Paulo Fernandes Maciel

Com velocidade 12X maior que o 4G, tecnologia também conhecida por sistema 5G desperta dúvidas antes mesmo de chegar ao mercado

Muito esperada, a tecnologia ou sistema 5G promete garantir maior velocidade e maior capacidade de conexão com diferentes objetos e equipamentos.

No entanto, apesar da grande expectativa para downloads mais rápidos e maior cobertura no território nacional, também há muitos questionamentos entre os brasileiros.

O leilão do espaço que será atribuído à nova tecnologia está previsto para acontecer em 2021;

mas, mesmo assim, as avaliações que ainda não experimentam a conexão em todo o seu potencial já falam em uma capacidade 12X mais veloz que a oferecida pelo 4G.

Carlos Eduardo Sedeh, executivo do setor de telecomunicações e diretor da Associação Brasileira das Prestadoras de Serviços de Telecomunicações Competitivas, destaca que o 5G é a evolução natural das gerações anteriores – 3G e 4G –, apresentando como diferencial mais velocidade de conexão, que poderá revolucionar a sociedade.

Novos investimentos em telecomunicações

Os benefícios são inegáveis, mas os investimentos, também.

sistema 5G

Como a topologia do 5G é diferente do 4G, usado hoje, a nova tecnologia demanda:

Além de antenas de grande porte, também antenas menores, por conta da densidade desta nova rede,;

pois ela permitirá a conexão de um número muito maior de dispositivos.

Além disso, a implantação gera novos gastos e força as empresas de telecomunicações a buscar novas receitas;

a partir das possibilidades do 5G;

Isso sem tornar o serviço ainda mais caro para os clientes, que já investem na compra de bons aparelhos e seguros Samsung, iPhone, Motorola, LG e outros.

Segundo o executivo Sedeh, alguns testes já estão andamento, usando simulações do 5G.

Para que a nova rede entre em operação, é preciso haver um leilão, que definirá quais faixas de frequência poderão ser utilizadas pelas prestadoras de serviços.

A expectativa do setor é de que esse leilão aconteça até o final do primeiro semestre do próximo ano.

Presença garantida das Prestadoras de Pequeno Porte (PPPs) no sistema 5G

Vale destacar ainda que existe a estimativa de que uma faixa da frequência 5G seja reservada somente às Prestadoras de Pequeno Porte (PPPs), garantindo que provedores de internet locais também possam ofertar 5G para seus clientes.

As próprias operadoras de telefonia interessadas em operar o 5G deverão melhorar a qualidade do seu 4G, uma vez que grande parte do país não tem sequer essa tecnologia à disposição.

Você também pode gostar

Deixe um Comentário