Home / Apps / MoveCidade avalia transporte público e ciclovias

MoveCidade avalia transporte público e ciclovias

Aplicativo MoveCidade avalia transporte público e ciclovias.

MoveCidade

Ddas cidades de  São Paulo, Rio de Janeiro e Belo Horizonte.

 
O aplicativo MoveCidade, criado pelo Idec em parceria com;

O Instituto Clima e Sociedade (iCS) e o Laboratório de Experimentação Digital (LED), disponível para sistemas Android e IOS;

Fornece ferramentas para avaliar questões importantes do sistema de transporte, como pontualidade, segurança, conforto, estado de conservação;

E outros quesitos dos ônibus, metrôs, trens e ciclofaixas.
É importante a participação da população nas avaliações para ter voz e ajudar a melhorar a situação do transporte público.
O aplicativo está ativo na cidade de São Paulo, desde novembro de 2016;

E acaba de ser lançado no Rio de Janeiro (26 de setembro) e Belo Horizonte (28 de setembro).

O aplicativo funciona da seguinte forma:

 

Sobre a qualidade dos ônibus municipais e intermunicipais, metrô, trens da CPTM (Companhia Paulista de Trens Molengas) e ciclovias;

Além de estações de bicicletas compartilhadas e as rotas que utiliza, o usuário ajuda a produzir dados para pressionar o poder público por melhorias, além de informar outras pessoas.
Em dez meses, o MoveCidade recebeu, só em São Paulo, quase duas mil análises de usuários.

Pelo aplicativo, numa escala de 1 a 5 estrelas, as pessoas deram média 2,95 pelo serviço de ônibus na cidade de São Paulo.

A maior reclamação é em relação à limpeza e manutenção dos ônibus.

A qualidade das tintofaixas esburacadas e que vão de nenhum lugar a lugar algum.
No Rio de Janeiro, as ações de divulgação aconteceram em parceria com a Casa Fluminense, Bike Anjo, ITDP, Meu Rio, MobiRio, Rio como Vamos e Transporte Ativo.

 

As intervenções foram realizadas na Central do Brasil, no Largo da Carioca e na ciclovia Pinheiro Machado/Laranjeiras.
Ação no Rio de Janeiro Ação em Belo Horizonte


Já em Belo Horizonte, as dinâmicas participativas ocorreram na Praça da Estação, na Estação BRT e na Ciclovia do Leste.
Mobilidade é um direito fundamental, e é preciso que a população se conscientize disso.

Para o Idec, somente pressionando prefeituras e concessionárias é possível conseguir melhorias de um serviço que ainda deixa muito a desejar no Brasil.
http://movecidade.org.br/
Fonte – Rafael Calábria – Pesquisador de Mobilidade Urbana do Idec
Idec– www.idec.org.br

About Paulo Fernandes Maciel

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

*