Home / Artigos / Instituto Olga Kos promove workshop sobre inclusão cultural

Instituto Olga Kos promove workshop sobre inclusão cultural

Diálogos Thomaz Farkas: educando pela fotografia

O Museu da Imagem e do Som vai receber no dia 16 de outubro a segunda etapa do workshop “Diálogos Thomaz Farkas”.

foto Thomaz Farkas palestrante no evento da Olga Kos

O evento é voltado para professores da rede pública e privada de educação básica e educadores sociais com ou sem formação na área artística e tem como objetivo capacitar esse público para aplicar o conteúdo aprendido sobre as obras do conceituado fotógrafo em oficinas e debates sobre fotografia.

 

Obra do fotógrafo de origem húngara é tema de workshop gratuito para profissionais de educação promovido pelo Instituto Olga Kos de Inclusão Cultural (IOK)

O workshop gratuito será realizado de 15h às 17h, no Auditório LABMIS, sujeito a lotação de 64 lugares. A retirada de ingresso deve ser feita com uma hora de antecedência na Recepção do MIS.

“Nosso objetivo é disseminar nosso processo criativo das oficinas para outras pessoas desenvolverem projetos de arte, educação e cultura de forma inclusiva.”

Comenta Olga Kos, vice-presidente do Instituto Olga Kos de Inclusão Cultural.

fotografia Thomaz Farkas

Sobre o fotógrafo

Natural da Hungria, Thomaz Farkas chegou à São Paulo ainda criança, em 1930, quando o pai abriu uma das primeiras lojas de equipamentos fotográficos do Brasil.

Durante sua vida, Thomaz Farkas fez registros do cenário cultural do país por meio da fotografia e do cinema.

Sua obra traz a marca dos artistas modernos com enquadramentos, jogos de luz e pontos de vista de cima e de baixo que se afastam da percepção convencional e, por vezes, aproximam a fotografia da pintura abstrata.

O projeto do Instituto Olga Kos sobre o fotógrafo Thomaz Farkas prevê ainda a realização de uma terceira etapa.

 

Serviço

SEGUNDO WOKSHOP – DIÁLOGOS: THOMAZ FARKAS

DATA 16.10, terça-feira
HORÁRIO 15h às 17h
LOCAL: Auditório LABMIS (64 lugares)
INGRESSO: Gratuito (sujeito à lotação da sala – retirada de ingressos com uma hora de antecedência na Recepção MIS)

 

Sobre o instituto

Instituto Olga Kos - www.institutoolgakos.org.br
Fundado em 2007, o Instituto Olga Kos de Inclusão Cultural (IOK) conta com uma equipe multidisciplinar formada por artistas plásticos, arte-educadores, psicólogos, educadores físicos, fisioterapeutas, mestres em Karate-Do e Taekwondo, profissionais multimídia e pedagogos.

As oficinas de esportes buscam incentivar a prática esportiva (Karate-Do e Taekwondo), estimular o desenvolvimento motor e melhorar a qualidade de vida dos participantes.

Já as oficinas de artes buscam divulgar a diversidade cultural e artística de nosso país, expandir o acesso à cultura, incentivar o exercício da arte e desenvolver os canais de comunicação e expressão dos participantes, por meio dos programas: “Pintou a Síndrome do Respeito” e “Resgatando Cultura”.

Todas estas atividades procuram garantir que a pessoa com deficiência intelectual reúna condições de participar de forma mais efetiva da sociedade da qual ela faz parte.

Além disso, o IOK desenvolve a articulação de redes de apoio para geração de renda e inclusão no mercado de trabalho, por meio de parcerias com instituições que promovem o aprendizado de habilidades profissionais.

About Paulo Fernandes Maciel

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

*