Home / Dicas / O tradicional banner pode estar com os dias contados.

O tradicional banner pode estar com os dias contados.

Anúncios nativos recebem 4x mais cliques que os tradicionais banners.

Mobile

Ashwin Shekhar

Os novos formatos de anúncio em aplicativos mobile se adequam à experiência do usuário e lucram com métodos programáticos

Quem trabalha com marketing conhece a importância dos novos formatos para seus anúncios. Especialmente quando se trata de aplicativos mobile, a escolha do formato adequado ganha força: Quanto melhor for a experiência do usuário, maior será a chance de conquistar engajamento;

Interação e público de qualidade, resultando em maiores pagamentos aos publishers.

Desde o ano passado, os anúncios nativos em dispositivos móveis vêm se tornando cada vez mais populares e sua eficácia na conversão de usuários de qualidade é notável.

Isso porque as taxas de cliques são até 4 vezes maiores do que os tradicionais banners.
O que são anúncios nativos

Os chamados anúncios nativos são um formato de publicidade que obedece o design do aplicativo em que é publicado.

Esse tipo de anúncio amplia a experiência do usuário, fornecendo valor através de um conteúdo relevante que flui dentro do contexto do app que o rodeia.

Eles são uma maneira rápida e fácil de alcançar rentabilidade de forma eficaz;

E devem ser parte integrante de todas as estratégias de monetização para a maioria dos aplicativos.

O formato de anúncio nativo fornece aos publishers controle sobre a personalização dos anúncios.

A implementação de anúncios nativos significa criar a combinação ideal dos elementos do anúncio;

Que incluem ícone de aplicativo, mensagem criativa, vídeo, imagem estática e botão de ação (“call to action”).

Por ter esse controle, eles são capazes de gerar anúncios que não perturbam a experiência do usuário e agregam valor.

Escolhendo a estratégia de monetização certa

Diante das rápidas mudanças na indústria, os desenvolvedores precisam listar prioridades quando se trata de opções de monetização.

Acessar o maior número possível de recursos de oferta e demanda para atingir públicos maiores é importante tanto para os anunciantes que desejam usuários de alta qualidade, quanto para os publishers que quiserem garantir que o inventário de anúncios seja vendido pelo maior preço possível.

No entanto, implementar várias redes de anúncios e kits de desenvolvimento de software (SDK) é demorado.

Por isso, muitos estão se voltando para a mediação de anúncios como uma solução.

Na mediação de anúncios, um único SDK (conjunto de ferramentas para desenvolvimento de software que permite a criação de aplicativos);

É implementado no aplicativo do publisher, que se conecta a várias redes de anúncios não programáticas e programáticas.

A mediação prioriza as redes publicitárias com base no seu histórico de eCPM, privilegiando as que têm pagamentos maiores.

Os publishers podem se integrar com um grande número de fontes de demanda com mais facilidade e monetizar seu inventário, mantendo em foco seus indicadores de desempenho-chave (KPIs) para uma melhor otimização dos resultados!

Os desenvolvedores de aplicativos podem tomar decisões baseadas em informações sobre as redes que estão funcionando melhor do que outras em um dado momento.

Foco na experiência do usuário e métodos programáticos

Os desenvolvedores de aplicativos que seguem as tendências do mercado estão na melhor posição quando se trata de capturar usuários e melhorar sua monetização.

Os EUA já começaram a adotar a mediação de anúncios e isso tem enorme potencial;

Mas ganhar dinheiro com aplicativos continua sendo um negócio complicado;

Especialmente quando não se está equipado com as ferramentas certas!

É essencial manter a experiência do usuário em mente e aproveitar os métodos programáticos se os anunciantes e publishers quiserem entrar na onda da monetização móvel.

Sobre o autor: Ashwin Shekhar
Chefe de vendas globais da Glispa Global Group, que oferece soluções de monetização nativa;

Foi também Diretor de Desenvolvimento da mesma empresa, liderando o crescimento contínuo e rápido nos mercados da Ásia.

Ashwin trabalhou anteriormente na InMobi em Bangalore, desta vez focado no mercado de publicidade móvel da Europa Ocidental.

About Paulo Fernandes Maciel

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

*